Quando: terças-feiras, de 8 de janeiro a 26 de fevereiro, das 19h às 22h.

Local: Aldeia 445 – Rua Lisboa, 445, Pinheiros, São Paulo (SP)

Valores: Para aulas físicas e complementos eletrônicos, o valor total do curso será por dois meses será de R$ 480,00.

INSCRIÇÕES ENCERRADAS!

Proposta

Incríveis narrativas é um curso de andamento destinado a quem quer aprimorar suas narrativas. Não é necessário ter experiência prévia e sim empolgação para ler, escrever e entender mais como textos funcionam do outro lado do papel.

A partir da leitura de mais de 15 textos variados – de nomes clássicos a contemporâneos, de nacionais e a internacionais – e da análise de fundamentos da prosa, serão propostos exercícios de escrita e desenvolvimento de projeto pessoal.

Os encontros físicos ocorrem às terças-feiras das 19h às 22h de janeiro e fevereiro. Haverá ainda complementos virtuais, áudios, vídeos e leituras que podem desfrutadas no ritmo de cada pessoa.

As aulas ocorrem em uma sala na Aldeia 445 (Rua Lisboa, 445, Pinheiros), espaço confortável de coworking, eventos e iniciativas diversas.

Detalhes

O curso é indicado para quem pretende escrever ou está trabalhando em roteiro, romance, novela ou conto. Tanto principiantes quanto pessoas com experiência na escrita são aceitas, pois a proposta didática gira em torno do projeto que apresentarão.

Cada participante receberá durante o curso:

(a) Avaliação crítica de seus textos feitas dos dois professores.

(b) Material online, com áudio e vídeo.

(c) Textos para leitura em formato pdf.

Cada encontro terá a duração total de 3 horas, com programa que contempla aulas teóricas e aulas práticas. Nas aulas teóricas, serão ministrados tópicos contemporâneos de narrativas e, nas aulas práticas, análise de textos de participantes, com dinâmicas de escrita.

Indica-se que pessoa escolha e trabalhe com um único projeto de escrita durante todo o período. Exemplos seriam um roteiro, dois contos curtos, uma novela, capítulos do mesmo romance, etc.

O andamento do curso é intensivo. Durante o intervalo que separa as aulas, haverá sempre a possibilidade de se esclarecer dúvidas em um chat no Telegram. Além do tempo das aulas, devem ser reservadas cerca de 3h por semana para leituras de excertos e exercícios individuais em casa.

Ferramentas

Todas as ferramentas eletrônicas usadas no curso são gratuitas e acessíveis por celular, tablet e desktop.

(a) Googledrive: para compartilhamento de arquivos. Para utilizar é recomendável ter conta no Gmail.

(b) Telegram: serviço de chat, servirá como diálogo e acompanhamento.

Programa

Datas: 8, 15, 22 e 29 de janeiro e 5, 12, 19 e 26 de fevereiro de 2019

08/01 | Por onde começar?
Aula teórica
Tema, premissa, storyline, argumento e outline.
Tipos de narrativa: romance, roteiro, dramaturgia
Tamanhos e contagens: flash fiction, microconto, conto, crônica, novela, romance
Reflexão
Motivos e objetivos da escrita – por que escrevo?
15/01| A estrutura narrativa
Aula prática
Narrativas longas – A estrutura do Monomito e suas desconstruções. Progressão da narrativa. Divisão em atos. O que é clímax? Guy de Maupassant e a curva dramática.
Preenchendo um outline.
Reflexão
Tempo e planejamento da escrita
22/01 | Quem move a narrativa?
Aula teórica
Realismo e histórias não orientadas ao clímax. Anton Tchekhov e os recortes da vida quotidiana. As histórias sobrepostas, Ricardo Piglia. O centro da narrativa, Orhan Pamuk.
Correlações de força entre antagonista e protagonista. Descrição de personagens principais e secundárias, técnicas e ênfase do conflito. Textos de Agatha Christie, Guimarães Rosa e Octavia Butler.
Reflexão
Bons e maus hábitos de escrita
29/01 | Interação de personagens, descrições e diálogos
Aula prática
Os vários focos narrativos: por que usá-los? Ann Leckie, Lygia Fagundes Telles, N. K. Jemisin e Ursula Le Guin.
Diálogos e sua função. Como e por que há falas?
Reflexão
Organizar rascunhos.
05/02 | Funções da fantasia e estranhamento
Aula teórica
Edgar Allan Poe e as histórias de mistério. Julio Cortázar e o conto fantástico que ressalta o real. H. P. Lovecraft e as histórias de horror.
Philip Dick e a ficção científica existencial. Ursula Le Guin e a crítica social.
Reflexão
Procrastinação e produtividade.
12/02 | Tom da narrativa e ambientação
Aula prática
Tarefas da ambientação: criar clima, acentuar conflito e trazer um mundo a quem lê.
O tom da narrativa: estratégias de trabalhar emoções e figuras no texto.
Reflexão
Recursos materiais e mentais para escrita.
19/02 | Tempo na narrativa
Aula teórica
Realidade, Utopia e Distopia, Tom Moylan, China Miéville e Margaret Atwood.
Progressão do tempo e elipses – quando e como usar.
Construção de cenários e mundos secundários. Aline Valek, Jeff Vandermeer, Júlian Fucks e Vitor LaValle
Reflexão: com qual público dialogo?
26/02 | Estilos da prosa: vocabulário e elementos do texto
Aula prática
Como adequar um texto ao gênero literário e expectativas de público?
Análise de vocabulário e elementos do texto.
Como compreender melhor o meu estilo de texto?
Encerramento e avaliação do curso.

Local

As aulas ocorrerão em sala da Aldeia 445, um espaço de coworking, eventos e iniciativas diversas. O acesso pode ser feito pelos corredores de ônibus na Rebouças, Cardeal Arcoverde e Teodoro Sampaio. A 14 minutos a pé tanto da Estação Fradique Coutinho quanto da Estação Oscar Freire, Linha 4-Amarela do metrô. http://www.aldeia445.com.br

Valores

Para aulas físicas e complementos eletrônicos, o valor total do curso será por dois meses será de R$ 480,00.

Pagamentos por depósito bancário ou cartões via Pagseguro. A inscrição é válida somente após a confirmação de pagamento.

Bolsas: há uma vaga reservada para bolsistas com 80% de desconto para mulheres negras e pessoas trans. Se você se interessa em obter a bolsa, envie um e-mail simples com sua candidatura, explicando por quais motivos pretende cursar a atividade até 5 de janeiro para anarusche@gmail.com com cópia para georgeamaral@gmail.com.

Cancelamentos: como há poucas vagas e a atividade exige produção de material gráfico e reserva de espaço, se houver o cancelamento após feita a inscrição, será cobrada multa de 10% da parcela paga. Esse valor será devolvido por meio de depósito bancário a ser feito em conta de titularidade da pessoa inscrita.

Professores

Ana Rüsche

Ana Rüsche é doutora em Estudos Linguísticos e Literários de Língua Inglesa pela FFLCH, Universidade de São Paulo. Possui graduação em Letras. Também é mestre em Direito Internacional e bacharel em Direito pela mesma Universidade de São Paulo.

Ministra cursos de criação literária há 12 anos. Exemplos são cursos para o Instituto de Estudos Avançados da USP e de extensão para o Centro Angel Rama – FFLCH-USP, assim como Casa das Rosas, unidades do SESC, entre outras instituições.

Escritora, publicou os livros de poesia “Rasgada” (Quinze & Trinta, 2005 e Ed. Limón Partido, Cidade do México, 2008, trad. Alberto Trejo e Alan Mills), “Sarabanda” (Selo Demônio Negro, 2007 e Ed. Patuá, 2013), “Nós que Adoramos um Documentário” (Ed. Ourivesaria da Palavra, 2010) e “Furiosa” (2016). Em publicações internacionais a respeito de poesia contemporânea brasileira, podem ser citadas a revista nova-iorquina Rattapallax, a revista londrina Litro e as antologias mexicanas “Caos Portátil” e “¿Qué será de ti? Como vai você?”.

Em prosa, seus últimos trabalhos são “Do Amor” (Quelônio, 2018) e “A desconexão telepática e seus abalos sísmicos”, noveleta seriada publicada pela Revista Mafagafo 2#, além do romance “Acordados” (Ed. Amauta, 2007).

Na área de não ficção, colabora para periódicos de cultura e literatura como Suplemento de Pernambuco e a Revista Ponto, Sesi. Em 2015, defendeu a tese “Utopia, feminismo e resignação em The left hand of darkness e The handmaid’s tale”, estudo sobre obras das autoras Margaret Atwood e Ursula Le Guin. Leia o portfólio completo

 

 

George Amaral

Escritor, ilustrador e designer. É Publicitário e Mestre em Teoria Literária e Literatura Comparada pela Universidade de São Paulo – USP, Especialista em Roteiro Audiovisual pela PUC-SP e Designer Gráfico formado pela Escola Panamericana de Arte. É membro do conselho editorial da Revista Fantástika 451.

Já publicou treze livros como ilustrador, no Brasil, EUA e Noruega, e realizou projeto e diagramação de mais de trinta livros. Participou como roteirista nos curtas-metragens Retratos Anônimos, 2015 (selecionado para o 27º Festival Kinoforum) e Depois Daquele Trem, 2014 (exibido na Mostra Sesc de Cinema Paulista e no Programa Pontos MIS 2014). Publicou os contos Momentos Engarrafados, 2012, Editora Estronho, e Código Fonte, 2014, Revista Trasgo, e as histórias em quadrinhos O Lobo Mau, 2009, na Revista Subervos, e Day Old, 2009, em publicação independente nos EUA.

Foi professor de dramaturgia no projeto 1ª Cena, da ONG Usina dos Atos, quando ministrou aulas para jovens e orientou a produção do roteiro para três peças, Reais Interesses, Escola de Magia e As Cartas, encenadas em 2012. Hoje atua como consultor e mentor literário.

Durante o mestrado na FFLCH-USP, especializou-se nos gêneros fantasia, ficção científica e horror, com a dissertação “Novo Estranhamento e Consciência Social em Estação Perdido, de China Miéville”. Sua pesquisa acadêmica aborda das possibilidades de reflexão crítica proporcionadas pelo estranhamento inerente às narrativas fantásticas, pelo viés da psicanálise, teoria literária e teoria cultural materialista. Tem artigo publicado na Revista Margem Esquerda nº 31, da Editora Boitempo.

Website: www.georgeamaral.com.br

 

Dúvidas?

5 + 5 =

Assine a Newsletter!

 

Assine a minha newsletter para receber as novidades.

Não se preocupe, enviarei com moderação.

Você foi incluído com sucesso no mailing!